Processamento

Após uma colheita cuidadosa dos grãos, preservamos todas as características qualitativas do café através de dois tipos de processamento:

  • Natural
    • O café colhido é secado com casca ao natural em terreiros cimentados e em secadores mecânicos.  Antes de ir para a secagem, os frutos são separados das impurezas (pedras, paus, folhas) e também são separados por estágio de maturação (verde, cereja e seco). A separação propicia uma secagem mais uniforme e específica por fruto. Além disso, controlamos as fermentações dos grãos que ocorrem na planta, por efeito das condições climáticas, durante a mudança do estágio maduro para o seco, contribuindo para melhoria da qualidade do café resultando em uma melhor classificação
  • Cereja descascado
    • Inicialmente o café é encaminhado ao lavador/separador onde o café seco que bóia é separado do verde e do cereja. Somente os grãos cereja são despolpados e separados dos grãos verdes. Depois disso, de acordo com a demanda, os grãos podem ser demuscilados por processo mecânico e levados ao terreiro cimentado, colocados em camadas bem finas até atingirem umidade ideal para serem levados aos secadores e posteriormente às tulhas, onde passam por um período de descanso antes do beneficio e classificação. O produto obtido nesse tipo de preparo é melhor classificado quanto ao tipo e bebida.  

Colheita

O processo de colheita é mecanizado e manual, contando com apanhadores nos pés novos e locais que necessitam de mais cuidado.  

Nossos profissionais observam a dimensão da lavoura, a topografia do terreno, a altura e o espaçamento entre as plantas para otimizar a colheita dos grãos. Estes fatores evitam danos nos pés e possibilitam o melhor aproveitamento e eficiência da colheita.

Além do cuidado durante a captação das safras, contamos com instalações especiais de preparo e secagem para o recebimento e escoamento de toda a produção. 

Galeria

WhatsApp chat